DO SENTIDO DADO AOS PASSOS, AOS PASSOS QUE NOS CONSENTIMOS DAR... JAMAIS OS MESMOS DEPOIS DE TRILHAR O DESERTO BRANCO

04
Jul 08
















Era aqui que eu estava.

Na Antiga Ágora e, qual camela, incansável, imparável, sem comer, nem beber.
Do Museu, que visitei em último lugar, só saí quando apagaram as luzes e, mesmo assim, como o fizeram gradualmente, fui passando de vitrina apagada para vitrina iluminapagada...
Agora recordo o que foi esse fim de tarde.
As luzes vão ficar acesas.

Julho 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


RSS
mais sobre mim
pesquisar
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO