Perdi minha amiga em 1998, e como vc, ainda ouço o barulhinho das unhas no chão da casa.Lembro das brincadeiras, dos 15 anos de companherismo , dedicação que jamais terei de outro ser.
Sei que nunca mais a verei, mas sua lembrança está presente em minha alma.
marcia a 10 de Outubro de 2010 às 02:27

Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres