DO SENTIDO DADO AOS PASSOS, AOS PASSOS QUE NOS CONSENTIMOS DAR... JAMAIS OS MESMOS DEPOIS DE TRILHAR O DESERTO BRANCO

18
Nov 08

Opinião de um homem sobre o corpo feminino!

Não importa o quanto pesa. É fascinante tocar, abraçar e acariciar o corpo de uma mulher. Saber seu peso não nos proporciona nenhuma emoção.

Não temos a menor ideia de qual seja seu manequim. Nossa avaliação é visual, isso quer dizer, se tem forma de guitarra... está bem. Não nos importa quanto medem em centímetros - é uma questão de proporções, não de medidas.

As proporções ideais do corpo de uma mulher são: curvilíneas, cheinhas, femininas... . Essa classe de corpo que, sem dúvida, se nota numa fração de segundo. As magrinhas que desfilam nas passarelas, seguem a tendência desenhada por estilistas que, diga-se de passagem, são todos gays e odeiam as mulheres e com elas competem. Suas modas são retas e sem formas e agridem o corpo que eles odeiam porque não podem tê-los.

Não há beleza mais irresistível na mulher do que a feminilidade e a doçura. A elegância e o bom trato, são equivalentes a mil viagras.

A maquiagem foi inventada para que as mulheres a usem. Usem! Para andar de cara lavada, basta a nossa. Os cabelos, quanto mais tratados, melhor.

As saias foram inventadas para mostrar suas magníficas pernas.. Porque razão as cobrem com calças longas? Para que as confundam conosco? Uma onda é uma onda, as cadeiras são cadeiras e pronto. Se a natureza lhes deu estas formas curvilíneas, foi por alguma razão e eu reitero: nós gostamos assim. Ocultar essas formas, é como ter o melhor sofá embalado no sótão.

É essa a lei da natureza... que todo aquele que se casa com uma modelo magra, anoréxica, bulêmica e nervosa logo procura uma amante cheinha, simpática, tranqüila e cheia de saúde.

Entendam de uma vez! Tratem de agradar a nós e não a vocês. porque, nunca terão uma referência objetiva, do quanto são lindas, dita por uma mulher.
Nenhuma mulher vai reconhecer jamais, diante de um homem, com sinceridade, que outra mulher é linda.

As jovens são lindas... mas as de 40 para cima, são verdadeiros pratos
fortes. Por tantas delas somos capazes de atravessar o atlântico a nado O corpo muda... cresce. Não podem pensar, sem ficarem psicóticas que podem entrar no mesmo vestido que usavam aos 18. Entretanto uma mulher de 45, na qual entre na roupa que usou aos 18 anos, ou tem problemas de desenvolvimento ou está se auto-destruindo.

Nós gostamos das mulheres que sabem conduzir sua vida com equilíbrio e sabem controlar sua natural tendência a culpas. Ou seja, aquela que quando tem que comer, come com vontade (a dieta virá em setembro, não antes; quando tem que fazer dieta, faz dieta com vontade (não se saboteia e não sofre); quando tem que ter intimidade com o parceiro, tem com vontade; quando tem que comprar algo que goste, compra; quando tem que economizar, economiza.

Algumas linhas no rosto, algumas cicatrizes no ventre, algumas marcas de estrias não lhes tira a beleza. São feridas de guerra, testemunhas de que fizeram algo em suas vidas, não tiveram anos 'em formol' nem em spa... viveram! O corpo da mulher é a prova de que Deus existe. É o sagrado recinto da gestação de todos os homens, onde foram alimentados, ninados e nós, sem querer, as enchemos de estrias, de cesárias e demais coisas que tiveram que acontecer para estarmos vivos. Cuidem-no! Cuidem-se! Amem-se!

A beleza é tudo isto.
(Texto atribuído a Paulo Coelho)

  

São vários os textos deste género  que nos vão chegando pela internet; melhores ou piores, mais ou menos poéticos, mais ou menos realistas, pretendem funcionar como massajadores do ego.

Curiosamente, recebi-o duma amiga cujo comportamento quase ronda a anorexia; em busca de confirmação da autoria encontrei-o postado no blog duma mulher com, seguramente mais de 100 quilos...

O que me levou a dar-lhe um destaque que não dei a outros foram, não o autor, de quem não leio os livros porque não aprecio o género, mas algumas ideias porque delas discordo.

Chamou-me a atenção, em particular, a frase:

"A maquiagem foi inventada para que as mulheres a usem. Usem!"

Um dos homens mais desejados do Brasil actual considera, por seu lado, que as mulheres mais sexy e atraentes em termos físicos são as que andam com elegância em saltos altos...

E eu gostava que eles fossem lamber sabão para que em vez de dizerem bacoradas ao abrirem a boca apenas lhes saíssem bolhinhas de cores!...

A pintura do rosto e, até do corpo, existe há milhares de anos.

Foi usada pelos egípcios em homens e mulheres, mas em muitos outros povos de características bastante mais primitivas, como sejam os aborígenes austrlianos, inúmeras tribos africanas, índios por todo o continente americano (antes do extermínio), era usada com muito maior destaque pelos homens, pelos machos e em ocasiões especiais.

Ou seja, a maquilhagem não foi inventada para as mulheres.

Foi uma adaptação duma característica da Natureza à civilização humana onde vá-se lá saber porquê, determinados conceitos se alterararam, melhor dizendo, inverteram, e em vez de serem os machos a darem nas vistas e a lutarem pelas fémeas agora sucede precisamente contrário.

Sim, o leão é mais vistoso que a leôa, o pavão que a pavôa, os veados que as suas respectivas e por aí fora...

Quando é que ao nível dos humanos se deu este choque "cosmetológico", não sei bem, mas tudo é feito numa disputa para agradar aos homens. Se calhar foi quando começaram a ser conhecidos os resultados estatísticos e se chegou à conclusão que há muito mais mulheres que homens...

Não sei!

Só sei que este tipo de discurso me irrita: embelezem-se...

Ponham-se em cima de tairocas que vos dão cabo dos pés, dos escafóides e dos cezamoides! Torçam, partam tornozelos! Agora são novas! Daqui a uns aninhos falamos! Como é lindo ver os dedos todos encavalitados, ou a sair pendurados pelas tiras das sandálias...

Gostava de saber qual a proporção diária de homens/mulheres que caiem/partem pernas /pés e a relação directa com o tipo de calçado que usam.

Acho que dava um estudo interessante.

Ao menos se houvesse igualdade...

Se os homens também andassem de saltos altos e pontas fininhas, se se pintassem, como acontecia ainda não há muitos séculos nalgumas corte europeias, a história era outra...

Mas não.

Só as tansas das mulheres é que andam voluntariamente o dia todo a fazer equilibrismo em cima de saltos de vários centímetros, vão para festas em cima de saltos ainda mais altos, de sapatos ainda mais estilizados, estão a noite toda a ganir para dentro, muitas a terem de se sacudir durante horas em cima daqueles verdadeiros instrumentos de tortura, e a muitas o que lhes vale em grandes festarolas estilo queimas das fitas e afins é mesmo partirem-se os saltos ou finarem-se as almas aos sapatos...

Aliás, em fim de festa/noite, é melhor nem ver como é que muitas mulheres estão: descalças e com a pintura borrada!

Então em Macau, com esta humidadezinha simpática nem se fala...

A concluir, esta que de vez em quando também põe um bocadinho de rimel, blush, eyeliner e baton, para dar um realce à cara, mas disso não faz a norma, e que também põe sapatos com um bocadinho de salto, detesta essa nova criação, tão espalhada por esse mundo que dá pelo nome de Crocs! Ai, que acho que vou bolsar, coisa horrorosa...

 

É essa a lei da natureza... que todo aquele que se casa com uma modelo magra, anoréxica, bulêmica e nervosa logo procura uma amante cheinha, simpática, tranqüila e cheia de saúde. Niguém os manda ser cretinos e casarem com um cabide só para se afirmarem... se há muitos a fazerem-no é porque se preocupam mais com a opinião dos outros do que com aquilo que sentem.


Entendam de uma vez! Tratem de agradar a nós e não a vocês. porque, nunca terão uma referência objetiva, do quanto são lindas, dita por uma mulher.
Nenhuma mulher vai reconhecer jamais, diante de um homem, com sinceridade, que outra mulher é linda.
As mulheres não são tão tacanhas como os homens (que se consideram machos) e que têm a mania que não apreciam outros homens. Qual é o problema de dizer que outra mulher (desde que não seja nossa rival) é linda de fazer parar o trânsito?


26
Ago 08
Todos sabem que a prática de caminhadas contribui para a prevenção de doenças, auxilia no combate à obesidade, ajuda no controle da pressão arterial, diminui o estresse, auxilia no reforço muscular e ósseo, além de melhorar a auto-estima.
Poucos sabem, no entanto, que caminhar ao lado do cão pode ajudar um indivíduo a manter a saúde e a forma física. Uma pesquisa realizada pela University New South Wales, na Austrália, mostrou isso.
O estudo apontou que 41% dos proprietários de cães caminham 18% a mais do que os sem-cachorro. Naquele país, 40% da população têm cães, o que significa um total de 3,1 milhões de caninos, mostrou o levantamento.
"O simples fato de ter um cachorro, para muita gente, já representa uma melhora significativa no dia-a-dia. A troca de afeto e a convivência com o animal representam, muitas vezes, o ânimo que faltava para conduzir tarefas simples do cotidiano como sair de casa, conversar com vizinhos sobre assuntos amenos e fazer amigos. Os cães unem pessoas numa espécie de confraria", diz Fabio Ravaglia, médico ortopedista do Albert Einstein, Oswaldo Cruz e do Hospital Santa Catarina e titular da Academia de Medicina de São Paulo.
Ravaglia conduz em breve no Brasil uma pesquisa nos moldes daquela feita na Austrália. Ele observa que levar o cão para passear e caminhar, no entanto, são coisas completamente distintas.
Enquanto passear é sair com o animal alguns minutos para que faça suas necessidades, caminhar ao lado do animal, especialmente aqueles que vivem em apartamentos, ajuda no processo de socialização, combate à obesidade, osteoartrite, doenças cardiovasculares, doenças hepática e mesmo na resistência à insulina. No animal e no dono.
O empresário da área de paisagismo Fábio Colombo é prova de que caminhar com o cão representa ganho para a saúde, "física e mental", conforme diz ele. Atleta, deixou de fazer suas atividades físicas por causa de uma hérnia de disco que adquiriu.
"Quando achei que teria de parar de me exercitar, percebi que tinha no Bernardo [um labrador de 1 ano e meio] um aliado", conta. Todas as noites, ele caminha cerca de uma hora com o bicho.
A psiquiatra Gisela Mattos, dona do labrador Indiana, de 12 anos, diz que, além de ver nas caminhadas ao lado do animal sua única forma de fazer exercícios físicos, esta é uma oportunidade de interagir com os amigos que tem no bairro paulistano dos Jardins. " É unir o útil ao agradável", destaca.
Exames para ambos:
Antes de sair para as caminhadas, recomenda Fabio Ravaglia, é necessário que dono e animal passem por avaliações médicas - incluindo exames como eletrocardiograma e hemograma - com atenção especial para diabéticos e hipertensos.
"Os cães devem ser levados a um veterinário para fazer um eletrocardiograma. Esse exame vai determinar o ritmo das passadas e a condição física do animal", observa Ravaglia. "Animais com mais de sete anos, que são considerados idosos, assim como obesos, devem ser submetidos a avaliações criteriosas para checar a existência de doenças pertinentes à condição, como displasia coxo-femural, problemas de coluna e cardíacos."
Há ainda outros cuidados que devem ser tomados, como a escolha do horário mais indicado, de preferência num momento de pouco sol, já que o calor pode machucar as patas dos animais. A respiração ofegante do cão e a resistência em continuar o trajeto devem ser respeitadas.
Para mostrar ao cão a diferença entre passeio e caminhada, é preciso adotar uma postura séria, com comandos mais firmes. As paradas do cão, tão comuns nos passeios, devem ser abolidas para que se mantenha um ritmo adequado ao cachorro e ao dono. "Nas caminhadas, fique atento para evitar acidentes com crianças e pessoas idosas. Use sempre os equipamentos de segurança, como coleiras e, no caso de determinadas raças, focinheiras. E mantenha a vacinação em dia, recolhendo as fezes do animal", orienta.
Ravaglia diz que para garantir o bem-estar de seu melhor amigo, é importante fazer com que ele beba água em pequenas quantidades e urine antes de começar a caminhada. O ortopedista lembra, ainda, que é importante o dono segurar a coleira de maneira firme, do lado esquerdo, e manter a postura ereta. "Não deixe de recompensar o cão após a caminhada com um petisco canino para condicionar o bom comportamento."
Como dicas básicas para os donos, estão o uso de roupas confortáveis e tênis, alongamento antes e depois da caminhada; hidratação antes, durante e após a prática, e a escolha de um local adequado para a caminhada, longe de calçadas esburacadas e ruas movimentadas. O ideal é manter a meta de 30 minutos por caminhada, cinco vezes por semana, pelo menos.
Sedentários devem começar caminhando três vezes por semana, por 30 minutos, para que o corpo se ajuste à nova rotina de exercícios. A partir da segunda semana, o praticante deve aumentar o tempo em 10 minutos, para que, após um mês do início da atividade, chegue a 60 minutos de caminhada por dia.
(Gazeta Mercantil - Alexandre Staut)

Fevereiro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29


RSS
mais sobre mim
pesquisar
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO